×

Liliana Ferreira

Liliana Ferreira


O frio está de volta mas confesso que talvez tenha precipitado a levar roupa quente na mais recente escapadinha. O tempo estava suficientemente bom e não era preciso muita roupa quente, ainda assim quando fui até Verín, do outro lado da fronteira, não resisti a levar este casaco longo de pelo (falso). Até gostei das fotos, neste cenário outonal acho que as cores resultaram bem e agora sim, o frio mais a sério começa a sentir-se. E já repararam que algumas das peças são as que usei no último look? A diferença no casaco e na mala resulta por isso num novo coordenado.

jeans: Bershka | mala: Furla | óculos de sol: Dolce & Gabbana | botins: Cortefiel
 Chaves como muitos devem saber é uma cidade do norte de Portugal mas cuja história conta com vários séculos estando ligada até aos romanos. É precisamente daí que deriva o nome de quem por ali vive, os Flavienses derivando do seu nome em latim: Aquae Flaviae. Histórias à parte, esta é uma cidade com menos habitantes que porto ou Lisboa, mas mesmo assim cheia de vida. Não só durante o dia mas também à noite, vimos sempre alguém na rua a passear ou a tomar um copo nos vários bares espalhados pela cidade.


Durante esta estadia, foram vários os pontos que consegui visitar. Alguns mostram bem a passagem dos romanos pela cidade, como a ponte de Trajano que é talvez dos pontos mais conhecidos da cidade. As duas colunas com inscrições em latim, testemunham a sua construção durante o reinado do imperador Trajano e que dá assim nome à ponte. Num dos extremos da ponte, encontra-se a casa onde viveu o arquiteto Nadir Afonso, passando quase despercebido aos olhos dos demais mas para o qual alguém amavelmente nos chamou à atenção.


Entrada do Forte de São Francisco
Da história e locais a visitar fazem ainda parte o largo de Camões, que se supõe que fosse esse o local do fórum em tempos de romanos e ainda a Rua Direita. Aliás é no largo de Camões que se situa o Museu da Região Flaviense (Paço dos Duques de Bragança) para quem quiser ver mais artigos e conhecer historia mais de perto. Na mesma praça está a Igreja Matriz, o edifício da Câmara Municipal, Igreja da Misericórdia. Não muito longe encontramos o Castelo de Chaves e também um Pelourinho. Além destes locais, existem ainda várias fortificações espalhadas pela cidade e muitas reabilitadas e transformadas em hotéis e restauração. É o caso do Forte de S. Francisco e Forte de São Neutel. 

Além dos vários pontos de atração turística, muitos são os edifícios onde se situam serviços como os CTT por exemplo ou até escolas que captam a nossa atenção.


Vidago

Quem vem de sul, há uma outra paragem obrigatória nem que seja para apreciar por momentos a beleza daquele local. Além de Chaves, todas as zonas envolventes são conhecidas pelas suas termas desde há vários anos, podendo encontrar nomes conhecidos como Carvalhelhos ou Pedras Salgadas. Um dos locais muito conhecidos por esta mesma razão é Vidago, onde é possível ver vários edifícios de outros tempos, quase como palácios (infelizmente alguns muito degradados). Um dos locais mais conhecidos é hoje em dia um hotel, mas com um jardim cheio de cantos e recantos que nos fazem suspirar em cada um dos detalhes. Acho que o outono tornou-o mais belo ainda com as suas cores e acho que um dia terei de experienciar uma noite naquele hotel que parece ter saído dos contos de fadas.


Sobrancelhas sempre foi um assunto um pouco delicado para mim. Apesar de parecer que são espessas, na verdade é que não é bem assim. As minhas sobrancelhas não tem muito pêlo e basta um apenas retirado no local errado para tudo ficar péssimo. Acreditem, já tive alguns incidentes e até quase que desisti... Era uma parte que me fazia alguma confusão, sobretudo nos tempos em que apenas se usava sobrancelha mais fina. Os tempos mudaram (e na minha opinião) para melhor e hoje em dia são vários os serviços e produtos para que seja possível ter a sobrancelha sempre on fleek !

A depilação (ou epilação) é sem dúvida uma parte fulcral para manter as sobrancelhas bonitas mas é super importante escolher o local onde as fazer e ter confiança suficiente. Já experimentei com linha na Glam Diva e na Wiñk, sendo que adorei a primeira porque a Eunice é mesmo profissional e sabe bem o que faz e com uma precisão incrível além de não sentir dor, mas claro isto depende da sensibilidade de cada pessoa. Ultimamente tenho feito no Brow Bar da Benefit, apenas por uma questão de ser mais prático para mim e sei que irei encontrar sempre profissionais que saberão mante-las no sítio. Aqui as opções são cera, onde apenas é removido o pêlo e pinça para quem tenha a pele mais sensível. Aqui há a opção de coloração também, em que todos os pêlos e até a penugem é aproveitada para colorir e assim conseguir sobrancelhas mais preenchidas.

Da parte de manter as sobrancelhas bonitas e com aspeto arranjado, faz parte a maquilhagem. Se houve uma altura que dispensava esta parte na maquilhagem agora sinto que se não arranjo que algo não está completo. Existem várias formas e soluções até mesmo para quem ainda se está a iniciar e evitar assim "erros". Os stencil parecem ser das melhores opções para quem ainda não está muito à vontade. A Benefit teve alguns em kit para ajudar neste passo e a Anastasia Beverly Hills tem uns que podem ser comprados em separado, que são os da foto acima.
Para usar, recomendam que seja feito um brow mapping, assinalando o início e o arco da sobrancelha. De seguida deverá ser aplicado o stencil em cima, tendo em conta estas duas medidas e ajustando no final o local onde termina a sobrancelha. A parte preta em cima funciona quase como anti-erro, uma vez que esta parte deverá estar sempre alinhada e paralela ao chão, para garantir que a definição fique o mais simétrica possível.

Para preencher e definir existem várias opções mas no que toca a maquilhagem os mais comuns são lápis, sombra e gel. Confesso que o meu favorito é em lápis e de preferência os que permitem fazer o traço mais fino. Quanto mais finos forem, mais fácil se torna de desenhar o pêlo mas também mais demorado pode ser o processo (Brow Wiz da ABH e o Precisely da Benefit). Por isto mesmo acabo por entre todos preferir o Goof Proof Pencil da Benefit, por permitir estas duas situações: desenhar com mais precisão e preencher. Além deste, a marca tem outra ferramenta super prática, ideal para quem gosta de sobrancelha definida: o Brow Contour Pro. Com esta ferramenta é possível definir as sobrancelhas, preenchendo com a cor mais clara na primeira metade e a mais escura no arco e segunda metade. Além do tom de preenchimento, tem ainda um contorno para as manter bem delineadas e iluminador para um ponto de luz no arco.


O ponto de luz e definição pode ser dado por lápis como este High Brow da Benefit e com glow o Gkow High Brow. Anastasia Beverly Hills também tem este tipo de produto: com e sem glow.

No final, em especial para quem como eu tem sobrancelhas rebeldes é necessário mantê-las no sitio com um gel fixador transparente. ABH tem um com uma escova simples como se fosse máscara enquanto que a da Benefit a escova tem quase como dois lados num material tipo silicone: com filamentos mais longos e espaçados e outro lado mais curtos. 


No break mais recente, fui até Chaves e um pouco por todo o lado estavam as árvores com tons de outono nas folhas amarelas, vermelhas e laranja. Numa das praças mais conhecidas da zona, junto à igreja matriz estava esta árvore amarela linda e soube que queria fazer ali algumas fotos. Et voilá... Felizmente o tempo estava quente o suficiente para tirar o casaco e fotografar apenas com a blusa (que na realidade é um body...). Aliás fiz toda a viagem com ela e sem casaco, a conduzir que só mostra como é confortável além do padrão estilo lenço ser das últimas tendências. A manga em boca de sino dá o toque final num coordenado simples em que a peça chave é mesmo a blusa e o padrão.

blusa/body: Shein c/o (20% com código chi20) | casaco: Mango | calças: Primark | óculos de sol: Dolce &Gabbana | botins: Cortefiel | mala: Michael Kors



Itens aqui mostrados e marcados com c/o ou * foram cedidos pelas referidas marcas. As opiniões expressas são honestas e verdadeiras e independente de terem sido oferecidos.